INÍCIO ARTIGOS ESPÉCIES GALERIA SOBRE EQUIPE PARCEIROS CONTATO
 
 
   Galeria de Fotos: Explorando o Norte de Ubatuba (SP) - 146 fotos - Parte2
Álbum de fotos de Expedições de Campo realizadas na região norte de Ubatuba (litoral norte de SP), principalmente em Manguezais e Estuários, mas também em Riachos. Todas as fotos são de uma única viagem, num período de duas semanas (2013/2014).
 
 
   Apicum do mangue do Rio Indaiá, Ubatuba. Muitas tocas de Guaiamum no local.
 
 
   Guaiamum ("Cardisoma guanhumi"), com bela coloração de transição.
 
 
   Guaiamum ("Cardisoma guanhumi"), saindo da sua toca.
 
 
   No local, haviam também numerosos "Uca rapax".
 
 
   O manguezal, porção mais alagada. O local era bastante degradado, com muito lixo.
 
 
   Havia muitos Uçás ("Ucides cordatus") neste local.
 
 
   Outro Uçá, este fotografado no mesmo estuário, mas mais próximo ao mar.
 
 
   "Uca uruguayensis", no mesmo manguezal.
 
 
   "Uca rapax" macho.
 
 
   Em um lugar mais alagado, um "Uca victoriana".
 
 
   Grande número de "Heleobia australis". Na foto, também uma exúvia de caranguejo.
 
 
   "Heleobia australis" em um pequeno córrego que cruzava a rua, junto a este mangue.
 
 
   "Heleobia australis" em um pequeno aquário improvisado.
 
 
   Pequeno caramujo eurihalino "Heleobia australis".
 
 
   "Pomacea" sp, se alimentando formando um funil com a porção anterior do seu pé.
 
 
  "Pomacea" sp, fotografado em um pequeno canal paralelo à estrada Rio-Santos, em Toninhas, Ubatuba.
 
 
   A forma da concha lembra "P. diffusa", mas a distribuição e aspecto dos ovos sugere "P. lineata".
 
 
   No local havia também muitos "Physa".
 
 
   Riacho junto à Cachoeira do Ipiranguinha.
 
 
   Outra imagem do riacho.
 
 
   Reentrâncias marginais, com áreas bem rasas e bastante folhas depositadas.
 
 
   Em meio às folhas no fundo, havia filhotes de "Macrobrachium potiuna".
 
 
   Filhotes de "Macrobrachium potiuna" em um pequeno aquário.
 
 
   Aqui um local já com um pouco de correnteza.
 
 
   Havia também muitos insetos aquáticos, como Gerres.
 
 
   Filhote de "Trichodactylus petropolitanus", encontrado em baixo de pedras.
 
 
   Tanatose, fingindo-se de morto. Note a bela padronagem mimética.
 
 
   "Macrobrachium potiuna", fêmea ovada.
 
 
   Imagem dorsal de "Macrobrachium potiuna", fêmea ovada.
 
 
   Deixei armadilhas de garrafas PET neste riacho, o resultado no dia seguinte.
 
 
   "Macrobrachium olfersii" macho na armadilha.
 
 
   "Macrobrachium olfersii" macho.
 
 
   "Macrobrachium olfersii", outro exemplar menor.
 
 
   A armadilha com vários "Trichodactylus petropolitanus", e um "Trichomycterus".
 
 
  Caranguejo "Trichodactylus petropolitanus".
 
 
  "Trichodactylus petropolitanus".
 
 
   "Trichodactylus petropolitanus", note o padrão de dentes da carapaça.
 
 
   Estuário do Rio Escuro, Praia Dura, Ubatuba.
 
 
   A Praia Dura, note a grande quantidade de detritos e folhas trazidas pelo rio.
 
 
   Os detritos na praia, e uma carapaça de Siri.
 
 
   Estuário do Rio Escuro, em visão panorãmica.
 
 
   Outra foto do estuário, com uma bela paisagem.
 
 
   Uçá ("Ucides cordatus"), fêmea ovada.
 
 
   Uçá, fotografado no estuário.
 
 
   Terreno seco, mais próximo do mar, inúmeras tocas de "Uca".
 
 
   "Uca leptodactyla", macho em coloração basal. Note o ferimento na quela.
 
 
   "Uca burgersi", co-habitavam a região com os "Uca leptodactyla".
 
 
   Close do "Uca burgersi".
 
 
   Em direção ao mangue, maré vazante.
 
 
   Foto de outro dia, no momento de maré mais baixa, em local previamente alagado da foto anterior.
 
 
   Vegetação típica de manguezais.
 
 
   Ampla área previamente inundada, com inúmeras tocas de "Uca".
 
 
   Um local mais marginal e seco, com as tocas de "Uca thayeri" e "Uca uruguayensis".
 
 
   "Uca thayeri" macho, note a típica fronte estreita.
 
 
   Close no "Uca thayeri".
 
 
   "Uca thayeri" saindo da toca, a frente um pequeno Caracol Cafezinho-do-Mangue ("Melampus coffea").
 
 
   Close no "Melampus coffea".
 
 
   "Uca uruguayensis" macho em coloração reprodutiva agitando sua quela.
 
 
   Close no "Uca uruguayensis".
 
 
   Close no "Uca uruguayensis".
 
 
   Vegetação típica do mangue.
 
 
   Nos troncos destas árvores, haviam Aratus-Marinheiros (no centro da foto).
 
 
   Aratu-Marinheiro ("Aratus pisonii"), uma espécie verdadeiramente arborícola de caranguejo.
 
 
   Close do "Aratus pisonii", mostrando a bela padronagem.
 
 
   Áreas mais alagadas, mostrando os brotos de árvores do manguezal crescendo do solo.
 
 
   Nos troncos haviam também Aratus-Vermelhos ("Goniopsis cruentata").
 
 
   Outra foto do Aratu-Vermelho em um tronco de árvore.
 
 
   Última imagem do belíssimo manguezal do Rio Escuro, Ubatuba, SP.
 
Voltar   
 

Planeta Invertebrados Brasil - © 2017 Todos os direitos reservados

Desenvolvimento de sites: GV8 SITES & SISTEMAS